quinta-feira, 3 de junho de 2010

Imaterialidade chilena



Ocho al cubo e a contribuição luxuosa de Toyo Ito.
Tem ou não tem um algo a mais?



























3 comentários:

Mário Saleiro Filho disse...

Que emoção!

Mário Saleiro Filho disse...

Fernando gostou da cachaça? Faz uma caipirinha prá ele! Abção nele e um bjão procê,

Robertson disse...

Show! Perfeita!