sábado, 24 de julho de 2010

Mais vinhos...



Fazendo uma revisão das vinícolas que visitei na América Latina percebo que, acidentalmente, tive a oportunidade de conhecer três ambientes bem distintos:
O edifício assinado, mesmo que discretamente [Clos Apalta], o espaço industrial [Família Zuccardi], e a antiga fazenda restaurada [Casa Silva].
Estes, somados à Bodega Torres na Cataluña, mais 'design', revelam o quanto o ramo tem de pessoal [neste caso, familiar]. Cada família imprime em sua sede um pouco do que deseja transmitir através do vinho.
Está até pintando uma modinha por aí. Mas ainda não se refletiu nos projetos arquitetônicos.

No caso da Casa Silva, dos nossos super conhecidos Doña Dominga, a opção foi pela rusticidade. Vejam o resultado:



Nenhum comentário: